Estudantes do IFG Anápolis participam do 4º Festival Nacional de Cinema Curta Canedo

Quinze alunos de diferentes cursos do Instituto Federal de Goiás (IFG) – Câmpus Anápolis participaram do 4º Festival Nacional de Cinema Curta Canedo, que foi promovido em Senador Canedo entre os dias 28 e 30 de novembro. Além de participar de oficinas e outras atividades do evento, os estudantes puderam apresentar curtas por eles produzidos dentro do contexto do Projeto Integrador Transdisciplinar desenvolvido no Câmpus pelos seguintes docentes: Eduardo Carli de Moraes (Filosofia), Francine Rebelo (Sociologia) e Jacques Elias (História). Dos 14 curtas-metragens durante a execução deste projeto, sete foram selecionados para o Curta Canedo, sendo que quatro deles foram escolhidos para debates em mostras não competitivas.

O grupo de discentes que esteve em Senador Canedo foi acompanhado pelo professor Eduardo Carli de Moares. “Essa participação contribui muito para que os estudantes se sintam estimulados a exercer suas criatividades no ambiente escolar, percebendo que os recursos tecnológicos que têm disponíveis permitem a expressão artística através do cinema digital de baixo orçamento”, destaca o docente do IFG.

Confira os curtas-metragens do IFG Anápolis selecionados para os debates do Curta Canedo:

1) Ocultadas

Ana Luisa Barbosa Pedro
Emily Karine Da Silva Lemes
Giselle de Fátima dos Santos Gomes

 ASSISTA AQUI

2) Alucinações

Adryan Castro
Rafael França
Sara Rosa
Mikael Douglas

 ASSISTA AQUI

3) Isso Não É Um Curta Feminista

Ana Lívia Campos Almeida

ASSISTA AQUI

4) Ordem e Progresso

Carlos Eduardo Ribeiro
Giovanna Guedes
Jéssica Alves
Marcus Vinícius
Pablo Henrique Sousa
William Haubert

 ASSISTA AQUI

Pryscilla Dietz
Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Anápolis
Link para a reportagem no Site Oficial do IFG
Fotografia da caravana por Talita Atahalpa

VEJA NOSSO ÁLBUM DE FOTOGRAFIAS:

https://www.facebook.com/eduardo.carlidemoraes/media_set?set=a.2475911175790834&type=3

Curta Metragem “Até Quando?” Denuncia Relacionamentos Abusivos com Consequências Extremas.

Cena da Agressão da Personagem Laura por Alberto

No primeiro semestre de 2019, foi realizado no IFG – Câmpus Anápolis o projeto integrador multidisciplinar, que uniu as áreas de Filosofia, Sociologia e História para um trabalho envolvendo os 3 terceiros anos do ensino médio – técnico integrado, dos cursos de Química, Edificações e Comércio Exterior.

Foram produzidos 14 curtas-metragens pelos estudantes. Alguns destes filmes estão agora publicados na Internet para tornar acessível a um público mais amplo os belos trabalhos produzidos pelos alunos do Instituto. O projeto foi orientado pelos professores: Eduardo Carli de Moraes, Francine Rebelo e Jacques Elias.

Personagem Laura recebendo ajuda da amiga

Assista abaixo o curta-metragem Até Quando?, produzido pelas alunas Marianne Oliveira, Nicolle Faustino, Mariana Rodrigues, Júlia Cecília e Adriana Lemes, do curso de Edificações lll.

Sinopse: O curta retrata a violência presente nas relações afetivas no ano de 1930, fazendo um paralelo com a atualidade, a partir da representação do abuso sofrido por Laura (interpretada por Júlia Cecília), que estava em um relacionamento secreto com Alberto (interpretado por Paulo Anderson).

Duração de 8 minutos e 41 segundos

O vídeo será apresentado e debatido no Festival de Cinema Curta Canedo, a ser realizado entre 28 e 30 de novembro, na cidade de Senador Canedo – GO.

Apresentação: objetivos do blog

Este site reúne a produção filosófica dos estudantes do ensino médio técnico-integrado do IFG – câmpus Anápolis, dos cursos de Química, Edificações e Comércio Exterior.

O projeto, sob a coordenação do professor Eduardo Carli de Moraes, almeja colaborar com o empoderamento midiático de todos os estudantes envolvidos, tornando-os aptos a manejar as ferramentas de publicação de conteúdos na Internet de modo a compartilhar com a sociedade as reflexões nascidas a partir de nossa convivência. O amor à sabedoria, na era digital, pode e deve ser compartilhado!

Este projeto de comunicação social visa aumentar a visibilidade das ações filosóficas desenvolvidas no IFG com a sociedade mais ampla, tornando acessíveis a todos os internautas as redações multimídias e os curtas-metragens que foram alguns dos frutos de nossos trabalhos na disciplina de Filosofia a partir do ano letivo de 2019.